O Ex-deputado federal e empresário, Felix Mendonça morreu nesta sexta-feira (26) em Salvador.

De acordo com o site Bahia Notícias, Mendonça estava internado no Hospital Aliança com diagnóstico de Covid-19, se recuperou da doença e teve complicações após uma infecção hospitalar. Ele deixa a esposa, Maria Helena Mendonça, e os filhos Andrea, Cristiana e Félix Filho.

Felix Mendonça nasceu em Coração do Almeida,  foi prefeito de Itabuna entre 1963 e 1966 e deputado estadual entre 1967 e 1971. Entre 1983 e 2011, ele cumpriu sete mandatos como deputado federal. Mendonça também foi um dos fundadores do jornal Correio.


Queiroz negocia delação premiada com o Ministério Público, diz CNN

Foto: Reprodução

Fabrício Queiroz, o ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro preso na semana quinta-feira (18), está negociando acordo de delação premiada com o Ministério Público. A informação foi divulgada pelo canal CNN Brasil.

Entre as exigências do ex-funcionário da família Bolsonaro está a de proteção da família e prisão domiciliar. Fabrício Queiroz está em prisão preventiva, sem prazo definido.

Fontes da CNN indicam que a negociação está arrastada porque os promotores querem garantias que o ex-assessor de Flávio Bolsonaro tenha informações novas para apresentar e não apenas relatar fatos que a investigação já conseguiu remontar.


Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2131 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +3,9%), 41 óbitos (+2,6%) e 1.999 curados (+6,8%). Dos 56.422 casos confirmados desde o início da pandemia, 31.192 já são considerados curados, 23.588 encontram-se ativos e 1.642 tiveram óbito confirmado.
As confirmações ocorreram em 369 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (49,88%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Ipiaú (1.323,22), Gandu (1.311,61), Itajuípe (1.171,25), Uruçuca (1.145,28) e São José da Vitória (1.042,96).
O boletim epidemiológico contabiliza 56.422 casos confirmados, 152.795 casos descartados e 73.512 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta sexta-feira (26).
Cabe ressaltar que o município de Conceição do Jacuípe enviou um ofício à Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) comunicando que errou no preenchimento dos dados no sistema de notificação e lançou casos negativos como sendo positivos. Em virtude deste comunicado, no qual o município reconhece a falha no preenchimento, 53 casos serão excluídos.
Na Bahia, 7.290 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim completo está disponível no site da Sesab.
Taxa de ocupação
Na Bahia, dos 2.181 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.371 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 64%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 901 leitos exclusivos para o coronavírus, 688 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 76%.
O número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. Intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. Ressalte-se que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.
Óbitos
A Sesab contabiliza 1.642 mortes pelo novo coronavírus.
1602º óbito – menina, 4 meses, residente em Acajutiba, data de admissão não informada, sem informação de comorbidades, foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;
1603º óbito – homem, 64 anos, residente em Santa Cruz de Cabrália, portador de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Porto Seguro;
1604º óbito – homem, 67 anos, residente em Feira de Santana, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede pública, em Feira de Santana;
1605º óbito – homem, 80 anos, residente em Itaberaba, portador de doença respiratória crônica, foi internado dia 13/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Salvador;
1606º óbito – homem, 76 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, foi internado dia 03/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;
1607º óbito – mulher, 66 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 27/05, em unidade da rede pública, em Salvador;
1608º óbito – mulher, 58 anos, residente em Mucuri, portadora de diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 02/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;
1609º óbito – mulher, 76 anos, residente em Camaçari, portadora de neoplasias, data de admissão não informada, foi a óbito dia 05/06, em unidade da rede privada, em Salvador;
1610º óbito – homem, 69 anos, residente em Salvador, portador de neoplasias, data de admissão não informada, foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;
1611º óbito – mulher, 67 anos, residente em Itajuípe, sem comorbidades, foi internada dia 09/06 e foi a óbito na mesma data (09/06), em unidade da rede pública, em Itabuna;
1612º óbito – mulher, 87 anos, residente em Jequié, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Jequié;
1613º óbito – homem, 73 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 09/06 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede privada, em Salvador;
1614º óbito – homem, 66 anos, residente em Feira de Santana, sem informação de comorbidades, foi a óbito dia 25/05, em domicílio;
1615º óbito – homem, 74 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;
1616º óbito – mulher, 78 anos, residente em Nova Ibiá, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular, data de admissão não informada, foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;
1617º óbito – homem, 67 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e diabetes, foi internado dia 15/05 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;
1618º óbito – homem, 72 anos, residente em Camacã, portador de doença cardiovascular, foi internado dia 30/05 e foi a óbito dia 13/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;
1619º óbito – mulher, 63 anos, residente em Gandu, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 16/06, em unidade da rede pública, em Gandu;
1620º óbito – homem, 91 anos, residente em Itaberaba, sem informação de comorbidade, foi internado dia 23/06 e foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Itaberaba;
1621º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de doença renal crônica, foi internado dia 14/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede pública, em Salvador;
1622º óbito – homem, 84 anos, residente em Feira de Santana, portador de hipertensão, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 17/06, em unidade da rede pública, em Salvador;
1623º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, portador de neoplasias, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 19/06, em unidade da rede pública, em Salvador;
1624º óbito – mulher, 78 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e doença renal crônica, foi internada dia 09/06 e foi a óbito dia 10/06, em unidade da rede pública, em Salvador;
1625º óbito – mulher, 61 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 22/05 e foi a óbito dia 27/05, em unidade da rede pública, em Salvador;
1625º óbito – mulher, 61 anos, residente em Lauro de Freitas, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 22/05, foi a óbito dia 27/05, em hospital da rede pública, em Salvador;
1626º óbito – homem, 91 anos, residente em Valença, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também, sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 24/06, em hospital filantrópico, em Valença;
1627º óbito – homem, 78 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, doença cardiovascular e doença respiratória crônicas. Internado dia 19/05, foi a óbito dia 06/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;
1628º óbito – homem, 90 anos, residente em Vitória da Conquista, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também, não foi informada a data de internação. Foi a óbito dia 21/06, em hospital filantrópico, em Vitória da Conquista;
1629º óbito – mulher, 65 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 25/05, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede particular, em Salvador;
1630º óbito – homem, 52 anos, residente em Salvador, portador de doença do sistema nervoso. Internado dia 26/05, foi a óbito dia 28/05, em hospital da rede pública, em Salvador;
1631º óbito – mulher, 76 anos, residente em Itabuna, sem informações sobre a existência de comorbidades. Também sem informação quanto à data de internação, foi a óbito dia 16/06, em hospital filantrópico, em Itabuna;
1632º óbito – homem, 68 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internado dia 21/05, foi a óbito dia 16/06, em hospital particular, em Lauro de Freitas;
1633º óbito – homem, 51 anos, residente em Serrinha, portador de doença renal crônica. Internado dia 16/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede pública, em Salvador;
1634º óbito – homem, 93 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial. Internado dia 07/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;
1635º óbito – mulher, 95 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial. Internada dia 08/06, foi a óbito dia 17/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;
1636º óbito – mulher, 91 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular. Internada dia 04/06, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;
1637º óbito – mulher, 82 anos, residente em Camaçari, portadora de diabetes mellitus e hip   ertensão arterial. Internada dia 14/06, foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Camaçari;
1638º óbito – mulher, 70 anos, residente em Catu, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e neoplasias. Internada dia 06/06, veio a óbito dia 19/06, em hospital da rede pública, em Salvador;
1639º óbito – mulher, 101 anos, residente em Camaçari, portadora de hipertensão arterial. Internada di9a 12/06, foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Camaçari;
1640º óbito – mulher, 70 anos, residente em Camaçari, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 08/06, foi a óbito dia 16/06, em unidade pública, em Camaçari;
1641º óbito – mulher, 83 anos, residente em Pojuca, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 25/05, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede particular, em Salvador;
1642º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença cardiovascular e obesidade. Internada dia 17/06, foi ia óbito dia 24/06, em hospital da rede particular, em Salvador.E

A Polícia Militar de Potiraguá atendeu uma ocorrência, no início da noite de ontem, quarta-feira (24), após uma mulher denunciar ter sido agredida fisicamente pelo seu companheiro.

A ocorrência aconteceu por volta das 18h0 da noite. O acusado foi detido, encaminhado até a cidade de Itapetinga. De acordo com a polícia, o homem que não teve o nome revelado ficará a disposição da Lei Maria da Penha.


Nesta quinta-feira (25/06), através da parceria com a Prefeitura de Itapetinga/BA, a 8ª CIPM realizou testes, com policias que atuam e que moram na cidade, para tentar identificar o novo coronavírus. Além da testagem de hoje, o quartel está passando pelo processo de descontaminação constantemente, dentre outras medidas de higienização e distanciamento social que estão sendo adotadas no intuito de proteger e zelar pela saúde da tropa.

Como dito anteriormente, essa testagem da tropa é resultado da importante parceria que o Comando da 8ª CIPM tem construído junto às prefeituras das cidades da região Médio Sudoeste, que também tem realizado os testes nos policiais nos treze municípios de cobertura da Unidade.

“PM e Comunidade na Corrente do Bem e juntos na luta contra o coronavírus!”.


Embora as reuniões virtuais tenham se tornado a realidade de muitos brasileiros com a pandemia do novo coronavírus, outros tantos ainda passam por saias-justas com a tecnologia. Nesta semana, um episódio inusitado ocorreu na Câmara Municipal de Bragança Paulista, em  São Paulo: um vereador foi visto cheirando uma calcinha durante uma sessão.

O caso aconteceu nessa terça-feira (23). Segundo informações do portal Metrópoles, Ditinho Bueno (PSC) estava em seu próprio gabinete, quando pegou a roupa íntima, analisou e cheirou.

No momento, uma mulher falava sobre o perigo de eucaliptos na estrada e é possível ver um dos homens chamá-lo pelo nome. Porém, só após cheirar a peça, o vereador parece perceber que estava com a câmera ligada e, então, vira a tela do computador para sair da área de captação.

De acordo com a nota, a discussão fazia parte da 21ª Sessão Ordinária de 2020 da Câmara Municipal e foi transmitida ao vivo no Youtube.


Durante a manhã desta quinta-feira (25), a Secretaria Municipal de Saúde da cidade de Itarantim, através da Vigilância Epidemiológica, esteve no distrito de Ribeirão do Salto, realizando testes rápidos de Covid-19, em alguns moradores daquela localidade.

Dentre os testados está o morador Valdecio Ribas, que é o responsável por estar na linha de frente da barreira Sanitária, na entrada do distrito. Em um vídeo gravado na tarde de hoje, Valdecio diz que o resultado do seu exame deu positivo para covid-19, mas que está assintomático. Sabendo da gravidade de contágio que o vírus oferece, ele resolveu fazer a gravação para alertar as outras pessoas com quem ele manteve contato nos últimos dias. Assista o vídeo.

Sendo assim, Valdecio é o primeiro caso confirmado de coronavírus no distrito de Ribeirão do Salto, que até então não havia registrado nenhum caso da doença.


Um ano depois da estreia, o programa Aqui na Band sofreu intervenção da direção da emissora e será totalmente reformulado. Os apresentadores Luís Ernesto Lacombe e Nathália Batista foram afastados, bem como o diretor-geral e criador da atração, Vildomar Batista. Profissionais da produção deverão ser demitidos ainda nesta quinta (25). A partir de hoje e até o dia 3, são exibidas reprises. A recém contratada Mariana Godoy e mais um apresentador devem assumi-lo em julho.

A intervenção é consequência de uma briga interna da área de Entretenimento com o Jornalismo por causa de pautas tendenciosas em favor do presidente Jair Bolsonaro.

Três importantes diretores da emissora travaram uma guerra de bastidores por causa das pautas conservadoras do Aqui na Band. No início de maio, foi ao ar um debate com o tema “Quem mandou matar Jair Bolsonaro?”, e Fernando Mitre e Rodolfo Schneider, respectivamente diretor nacional e diretor executivo de Jornalismo, tiveram por telefone discussões ríspidas com Vildomar Batista.

A crise ganhou um novo capítulo nesta semana. Na terça (23), foi ao ar um debate sobre conservadorismo, e os profissionais do Jornalismo consideraram inadequado o programa ter convidado o blogueiro Allan dos Santos, investigado pela Polícia Federal por disseminação de fake news. Fernando Mitre fez questão de deixar claro numa rede social que não tinha responsabilidade pelo programa:

A decisão de suspender as edições inéditas foi tomada ontem (24), quando Mariana Godoy assinou com a emissora. A contratação da jornalista gerou outra crise e precipitou o fim do atual formato da atração. Vildomar Batista achou um desrespeito saber da chegada de Mariana por meio da imprensa e disse que iria pedir a rescisão de contrato (ainda não oficializada), como informou o jornalista Ricardo Feltrin, do UOL.

A equipe do Aqui na Band foi pega de surpresa. A produção trabalhava na edição desta quinta, que iria discutir fofoca com colunistas de TV. No lugar, foi reprisada a edição de 4 de junho do programa.

O “novo” Aqui na Band será tocado pelo Jornalismo e pelo Entretenimento, representado pelo diretor artístico e de programação Antonio Zimmerle. Da atual equipe, só deverá ser preservado o chef Dalton Rangel.

Procurada, a Band apenou confirmou as reprises e que o programa será reformulado.

Apresentadores têm futuro incerto

O futuro dos apresentadores Luís Ernesto Lacombe e Nathália Batista têm futuro incerto na Band. Lacombe tem contrato até o fim do ano e, se aceitar, poderá reforçar o time de esportes da casa –que sofre com a paralisação principalmente do futebol.

Apesar de ser mulher de Vildomar Batista, Nathália também pode continuar na Band. Ela e Vildomar seguem com o apoio de um setor influente dentro da Band e poderão ser encaixados em futuros projetos.

Band quer Zeca Camargo no comando de programa

A Band está negociando firmemente com o apresentador Zeca Camargo, que está deixando a Globo depois de 24 anos. As conversas tem sido tratadas em sigilo desde o início do mês por Antonio Zimmerle, diretor nacional de programação da Band, ex-executivo da Globo e amigo do jornalista. Zeca é o nome dos sonhos da Band para substituir Lacombe.

Notícias da TV apurou que Zeca e Zimmerle terão uma conversa “definitiva” na semana que vem, após o término do contrato do apresentador do É de Casa (30 de junho). A ideia é que Zeca Camargo divida o comando do Aqui na Band com Mariana Godoy, que assinou com a Band ontem (24).