O prefeito ACM Neto (DEM) cumpre agenda de homenagens no interior nesta 6ª feira (28) e sábado (29), com a participação de outros gestores, parlamentares e lideranças políticas.Na próxima sexta-feira, Neto irá até o norte da Bahia para participar das comemorações pelos 137 anos de emancipação política do município de Jacobina, onde são esperados cerca de 40 prefeitos. Já no sábado, o democrata estará em Cruz das Almas para comemorar os 120 anos de emancipação política do município. Na foto Neto aparece com Pithon, e o atual presidente da Casa, Hermínio Oliveira (PPS).

Homenagem em Conquista

No dia 11 de agosto o prefeito de Salvador, ACM Neto, participará de uma sessão solene na Câmara de Vereadores, às 19 horas, para receber o Título de Cidadão Conquistense por iniciativa do mandato do vereador Álvaro Pithon (DEM).

O edil, autor da homenagem, tem assegurado que ACM Neto sempre esteve ao lado da cidade de Vitória da Conquista destinando várias emendas para importantes obras. Pithon ao falar do prefeito de Salvador, sempre com grande entusiasmo, não esquece de registrar a grande atuação de Neto, quando era deputado federal,  na articulação política que contou também com o ex-senador Antonio Carlos Magalhães Junior, na  liberação dos recursos para início da construção do novo aeroporto da cidade.  O registro de Pithon aconteceu em discurso na Câmara Municipal no dia 24 de novembro de 2009.

(blogdaresenhageral)


Acidente ocorreu na manhã desta segunda-feira (24). Veículo seguia de Porto Seguro para Arraial D’Ajuda.

m ônibus com turistas tombou na manhã desta segunda-feira (24), na região de Arraial D’Ajuda. De acordo com a Polícia Militar, algumas pessoas tiveram ferimentos leves. As vítimas receberam atendimento médico em um hospital da região. Todos passam bem.

Segundo a A.R Turismo, empresa que presta serviço receptivo da CVC, dona do veículo que tombou, o ônibus seguia de Porto Seguro para Arraial D’Ajuda, quando parou no acostamento para que outro veículo que seguia atrás pudesse passar e uma parte da pista cedeu. O ônibus, mesmo parado, tombou. O veículo comporta 44 passageiros. Não foi detalhado quantas pessoas estavam no ônibus.

Conforme a A.R Turismo, os turistas deixaram o local em outro ônibus da empresa. Os feridos foram encaminhados para o Hospital Regional Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, para observação e realização de exames. Não há detalhes sobre internação e nem de onde os turistas que estavam no ônibus são.

 (g1)


Acidente ocorreu na manhã desta quinta-feira (20), na zona rural de Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste do estado.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) da cidade de Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste da Bahia, tombou na manhã desta quinta-feira (20), quando seguia para atender um paciente que estava sofrendo convulsões, em Barrinha, na zona rural do município. A Polícia Militar da cidade confirmou a ocorrência, mas não deu detalhes do caso. Por conta do acidente, o veículo ficou com a frente destruída e o para-brisa ficou estilhaçado.

Segundo o Controlador Geral do Município, Jânio Soares Lima, estavam no veículo, além do condutor, uma médica e duas enfermeiras. Ninguém ficou ferido. Segundo ele, as causas do acidente ainda estão sendo investigadas e, apesar da ocorrência, a população não ficará sem assistência do Samu.

“Essa ambulância do acidente era uma avançada, estava nova, com cerca de quatro meses. Já acionamos o seguro e vamos aguardar. A cidade ainda tem outras duas ambulâncias, uma básica e outra avançada. Elas vão continuar atendendo à população até que ambulância envolvida no acidente seja recuperada”, explicou.

Jânio informou que ainda outra ambulância foi acionada para socorrer o paciente de Barrinha. Não há detalhes do estado de saúde dele.

(G1)


Um acidente envolvendo um ônibus e uma van, por volta das 6h desta sexta-feira (30), deixou duas pessoas gravemente feridas na BR-116, no sudoeste da Bahia. A colisão foi na altura da Serra do Mutum, nas proximidades do município de Jaguaquara.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente foi causado pelo motorista da van, que tentou fazer uma ultrapassagem e bateu de frente com o ônibus. Os motoristas dos veículos foram retirados das ferragens e levados para o Hospital Prado Valadares, na cidade de Jequié.

O estado de saúde dos dois não foi divulgado. A PRF não tem informações sobre outros feridos.

Motorista do ônibus ficou gravemente ferido (Foto: Tiago Almeida/Blog Itiruçu Online)

Acidente ocorreu na BR-116 (Foto: Tiago Almeida/Blog Itiruçu Online)


Acidente ocorreu na quinta-feira (22), no trecho de Itabela, sul da Bahia.

A vendedora de joias de 32 anos Janaína Canal Prayer morreu em acidente em uma curva, no km-780 da BR-101, na cidade de Itabela, sul da Bahia, no final da manhã de quinta-feira (22), de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A pista estava molhada e o veículo que ela dirigia acabou invadindo a pista contrária e bateu em um caminhão-baú.

O carro foi atingido pela lateral e ficou destruído com o acidente. A mulher morreu no local. O condutor do caminhão não foi encontrado pela polícia no local da colisão. De acordo com a polícia, a vendedora saiu de Eunápolis com destino à cidade de Linhares (ES). Já o caminhão iria de São Paulo até a cidade de Jussari, no sul da Bahia.

A vendedora tinha ido a Eunápolis atender clientes. Ela era casada e deixa uma filha de oito anos. O corpo será enterrado em Linhares nesta sexta-feira (23).

Familiares de Janaína Canal postaram mensagens lamentando morte da jovem no Facebook (Foto: Reprodução/ Facebook)

Motorista do caminhão não sofreu ferimentos no acidente (Foto: Maurílio Garcia/Site Cocobongo )

Acidente aconteceu na BR-101, no final da manhã de quinta-feira (Foto: Maurílio Garcia/Site Cocobongo )


Vídeo mostra tentativa de ultrapassagem segundos antes de acidente que terminou com 1 morto na BA

Colisão ocorreu na BR-101, nesta sexta-feira (9), perto do município de Itabatã, localizado no sul da Bahia.

m vídeo registrado com um celular mostra o momento em que um carro tenta fazer uma ultrapassagem em um local proibido e acaba se envolvendo em um acidente que resultou na morte do motorista. O caso ocorreu na BR-101, perto do município de Itabatã, localizado no sul da Bahia, na manhã desta sexta-feira (9).

As imagens foram gravadas por uma pessoa que estava em outro carro que também seguia pela rodovia. Pela gravação, é possível perceber que a pista tem faixa contínua, o que sinaliza que é proibida a ultrapassagem no trecho.

O veículo flagrado no vídeo tentou ultrapassar o carro de onde as imagens foram gravadas e uma carreta que seguia logo à frente. No momento em que estava na contramão, no entanto, o carro colidiu com outro veículo que vinha no sentido oposto.

Não é possível ver no vídeo o momento exato da batida, já que o motorista do carro de onde a filmagem foi feita teve de jogar o veículo para o acostamento para evitar também se envolver na colisão.

Fotos divulgadas depois pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostram que os carros envolvidos na batida ficaram destruídos. O motorista do carro que tentou fazer a ultrapassagem foi José Carlos Alves dos Anjos, que não resistiu aos ferimentos.

O condutor do outro veículo envolvido na batida, Anderson Bispo dos Santos, que é policial militar, foi socorrido e internado em estado grave em um hospital da cidade de Teixeira de Freitas, também no sul do estado.

 
(g1)

Acidente ocorreu na tarde desta quinta-feira (31), na BR-101, trecho da cidade de Nova Viçosa, no sul do estado.

uas mulheres morreram e um casal ficou ferido gravemente após o carro em que eles estavam colidir com um caminhão, na tarde desta quinta-feira (31), na BR-101, trecho da cidade de Nova Viçosa, sul da Bahia.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), as quatro vítimas estavam no carro de passeio e eram da mesma família. O condutor do carro e a esposa foram os que ficaram feridos, enquanto a sogra do condutor e a irmã dela não resistiram aos ferimentos, enquanto estavam sendo levadas para o Hospital Santa Amélia, em Posto da Mata. Os dois feridos foram encaminhados para o Hospital de Teixeira de Freitas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o condutor ficou preso nas ferragens e foi preciso arrancar o teto do veículo para resgatá-lo. Ainda conforme os bombeiros, ele sofreu fratura no fêmur esquerdo, ferimento aberto no joelho direito e escoriações na face. Apesar da gravidade, segundo os bombeiros, o motorista estava consciente. Não há informações sobre as circunstâncias do acidente.

Caminhão foi parar no acostamento após o acidente (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros Militar)

Teto do carro foi arrancado para o salvar a vítima (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros Militar)

(g1)


Criança teve complicações após uso de medicação errada, em Eunápolis, sul da Bahia.

A rede de farmácias Pague Menos foi condenada a pagar R$ 40 mil de indenização a uma família por ter vendido uma medicação errada, receitada para uma criança, na cidade de Eunápolis, sul da Bahia. Segundo a decisão da Justiça, a mãe e a filha serão indenizadas, cada uma, com R$ 20 mil.

A condenação foi feita em primeiro grau, em agosto de 2016, pelo juiz Wilson Nunes, da Vara dos Feitos de Relações de Consumo, Cíveis e Comerciais da Comarca de Eunápolis. A rede de farmácias recorreu, mas o recurso da empresa foi negado pelo Tribunal de Justiça (TJ-BA).

O Tribunal de Justiça confirmou integralmente a sentença do magistrado no dia 16 de maio deste ano. A decisão foi publicada no dia 19 do mesmo mês, no Diário de Justiça Eletrônico. A decisão ainda cabe recurso.

A Pague Menos não respondeu ao G1 se irá recorrer. A companhia disse, em nota, que “é uma empresa ética, que está sempre atenta em prestar o melhor serviço e o melhor atendimento à população”.

Caso

Em janeiro de 2015, a mãe da criança, que tinha com pouco mais de um ano de idade, levou a filha para o hospital quando ela apresentou os sintomas de febre. A médica receitou três medicamentos: eritromicina oral, nistatina oral, paracetamol e cingilone. Ao ir na farmácia, no entanto, o funcionário da empresa, de posse da receita, vendeu à mãe o medicamento ilosone tópico 20 mg/ml, apontado como genérico da droga eritromicina, prescrita no receituário.

O funcionário da farmácia ainda teria orientado a mãe a administrar para a criança doente, por via oral, 4 ml do remédio, a cada oito horas, escrevendo esta explicação na caixa da droga vendida.

A mãe então passou a administrar o remédio errado na filha, que passou a apresentar lesões em mucosa da boca, perda de peso, vômitos, desidratação, sangramento de gengivas, estomatite, dentre outros sintomas, de acordo com laudo médico. Ela chegou a ficar internada durante quatro dias, no Hospital Regiona de Eunápolis.

Segundo a decisão judicial, foi constatado que a eritromicina, prescrita pela médica, é destinada ao tratamento de infecções internas e tem uso oral. Já o remédio vendido pela farmácia, ilosone, tinha uso tópico, embora tenha sido administrado inadequadamente por via oral, após a orientação do funcionário. O isolone é indicado para tratamento de acne.

A mãe da criança disse que vai usar parte do dinheiro ganhado com a indenização para o tratamento da filha que, mais de um ano após ingeririr o medicamento errado, ainda apresenta dores no estômago.

(G1)


Órgão alega que, além de parentes do prefeito de Itabuna, no sul do estado, secretários não têm qualificação técnica para os cargos que ocupam.

Após a prefeitura de Itabuna, no sul da Bahia, informar que não iria atender a recomandação do Ministério Público (MP-BA) de exonarar a mulher e o sobrinho do atual prefeito de secretarias municipais, o órgão informou que entrou com uma ação civil na Justiça pedindo a suspensão da nomeação dos dois e também por ato de improbidade administrativa contra o chefe do poder executivo.

O MP-BA alega que, além de parentes, a mulher e o sobrinho do prefeito Fernando Gomes não têm qualificação técnica para os cargos que ocupam. Sandra Neilma está atualmente no cargo de secretária de Assistência Social e Dinailson Nascimento é secretário de Administração da cidade.

Tanto Sandra quanto Denilson têm apenas o Ensino Médio completo, o que inviabilza a manutenção deles no cargo, de acordo com o entendimento do MP-BA.

Com a ação civil aberta pelo MP, o caso agora tem que ser decidido na Justiça. A prefeitura de Itabuna informou, nesta segunda-feira, que assim que for notificada vai recorrer da decisão.

Recomendação

Autor da recomendação do MP-BA para exonerar a mulher e o sobrinho, o promotor Inocêncio Carvalho, titular de Itabuna, informou que o município tem uma lei que veda a nomeação de parentes para cargos comissionados, inclusive secretarias.

Segundo o promotor, a mencionada lei prevê devolução de dinheiro público para gastos como pagamentos dos vencimentos dos parentes ilegalmente nomeados.

A Procuradoria de Itabuna, logo depois da recomandação do MP, informou que enviou a defesa do prefeito para o Ministério Público, argumentando que para ocupar esses cargos é necessário, apenas, ter experiência. Conforme a Procuradoria, a mulher e o sobrinho dos prefeito já exerceram cargos semelhantes em gestão anteriores.

Redação: (g1 Bahia)


O Defensor Público do Estado da Bahia, Dr. Glauco Teixeira de Souza, ao ministrar palestra, cujo tema “Direitos Humanos e Políticas Públicas: Caminho à Cidadania”, recebeu Certificados de Honra ao Mérito e  Cidadão da Paz, destinada a personalidades e instituições reconhecidas na prestação de serviços e garantia da efetivação dos direitos humanos através de políticas públicas à população itapetinguense.

Ao se manifestar, o Defensor Público, Dr. Glauco Teixeira de Souza, destacou a necessidade do desenvolvimento de políticas públicas efetivas para promoção dos direitos humanos na sociedade de Itapetinga. “A Defensoria Pública está sempre trabalhando para garantir aos nossos assistidos o acesso, não só à Justiça, mas a todas as políticas públicas que lhes são de direito. Políticas públicas são ações governamentais destinadas à concretização de direitos humanos fundamentais e básicos, como direito à saúde, à educação, à assistência social, à moradia digna, à segurança (pública e jurídica), à proteção especial do Estado aos Grupos Sociais Vulneráveis (idosos, crianças e adolescentes, consumidores, mulheres vítimas de violência doméstica ou familiar e outros), à assistência aos desamparados e necessitados não apenas economicamente, mas jurídica e organizacionalmente, ao trabalho, ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, ao patrimônio público, histórico, turístico, cultural, paisagístico e estético, à transparência, moralidade administrativa e legalidade, dentre outros.”, afirmou o Defensor Público, que externou, ao final, brilhante palavra de Guimarães Rosa, “para os pobres, os lugares são mais longe”, assim, cabe à Defensoria Pública encurtar essas distâncias ou, no mínimo, fazer com que elas levem a algum lugar onde se consiga uma solução efetiva para violações, muitas vezes, históricas.

Redação: (Fórum Social da Bahia)