Desde que os primeiros casos suspeitos de coronavírus surgiram em Vitória da Conquista, várias medidas de prevenção foram adotadas pela Prefeitura através de Decretos Municipais. As decisões, tomadas em diálogo com entidades representativas de diversos setores, levam em consideração, primeiramente, a proteção da população.  Na manhã de hoje (05), o prefeito Herzem Gusmão assinou o Decreto 20.246 que dispõe das seguintes medidas temporárias de prevenção ao contágio:

  • Renovação por mais 30 dias da suspensão das aulas da Rede Municipal de Educação e das Instituições Privadas de Ensino, inclusive as de ensino superior;
  • Renovação por mais 07 dias do fechamento temporário de todos os Shopping Centers, galerias e afins (somente o funcionamento de mercados, supermercados e farmácias localizados no interior estão autorizados a funcionar);
  • Os escritórios e demais locais de prestação de serviço poderão funcionar durante este período, desde que não estejam em Shopping ou Galerias, e que a atividade exercida não envolva contato físico direto com o cliente ou aglomeração de pessoas;
  • As empresas do setor Industrial do município poderão funcionar devendo observar, no que couber, os protocolos de segurança e enfrentamento ao Covid-19;
  • Suspensão, pelo prazo de 07 dias, de visita aos cemitérios do município, ficando permitido somente os sepultamentos com número máximo de 10 (dez) pessoas.
  • Prorrogação, pelo prazo de mais 07 dias, do Regime Excepcional de Teletrabalho para serviços essenciais no âmbito da Administração Pública do município de Vitória da Conquista, nos termos do Decreto 20.203, de 23 de março de 2020.
  • Horário excepcional de funcionamento do comércio pelo período de 7 dias. O funcionamento se dará em horário parcial, mediante distribuição das atividades em dois blocos que se revezarão diariamente entre os turnos da manhã e da tarde, evitando a grande circulação de pessoas. Os dias de sábado e domingo vão ficar reservados para as feiras livres e demais atividades essenciais.


Neste sábado (4), mais 3 casos de coronavírus foram confirmados em Vitória da Conquista: 2 deles por meio de exames realizados por laboratório privado e 1 confirmado pelo Lacen. Os dois casos  confirmados por laboratório privado seguem para contraprova no Lacen, em Salvador.

Já são 5  casos confirmados no município até às 19h de hoje (4), de acordo com o  Boletim epidemiológico atualizado divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Os dois novos casos confirmados por laboratório privado são de duas mulheres, de 53 e 35 anos, sem comorbidades, que apresentaram sintomas respiratórios suspeitos de coronavírus e procuraram o laboratório privado para realizar o exame de diagnóstico da doença. Elas seguem em isolamento domiciliar, bem como todos os seus contatos familiares. Além disso, já apresentam melhora do quadro de saúde e estão devidamente monitoradas e acompanhadas pela equipe de referência do Covid-19 da Secretaria de Saúde.

As duas pacientes já estavam no banco de dados da equipe de monitoramento, pois o laboratório privado, onde fizeram o exame, envia relatório diário informando todos os pacientes atendidos com casos suspeitos para Covid.

O quinto caso confirmado é de um homem, de 42 anos, com histórico de viagem para o Rio Grande do Sul, notificado por meio do Call Center da Secretaria de Saúde e sintomático quando realizou o exame no dia 1º de abril. Ele se mantém isolado desde a sua chegada em Vitória da Conquista.

Ainda de acordo com o Boletim, já foram notificados 229 casos suspeitos de infecção pelo Covid-19 no município, com 109 casos descartados laboratorialmente e 5 descartados por vínculo epidemiológico*. Além disso, 65 aguardam resultado das amostras enviadas ao Lacen Estadual e 45 aguardam coleta.

Após a coleta, as amostras são enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), do Governo do Estado, em Salvador, que é responsável pela divulgação dos resultados dos exames do município, após a análise laboratorial das amostras enviadas para o diagnóstico de Covid-19.

(*Os casos descartados por vínculo epidemiológico foram de pessoas que tiveram contato com paciente que teve resultado laboratorial negativo para a suspeita de infecção por Covid-19.)

Coleta de amostras de pacientes com suspeitas de Covid-19 – A Secretaria Municipal de Saúde tem seguido os critérios de coleta de amostras para exame laboratorial definidos pela Secretaria de Saúde do Estado, de acordo com a Nota Técnica COE nº 08 do dia 21 de março.

Os critérios indicados são:

  • pacientes com quadros graves e internados;
  • viajantes que estiveram em áreas de transmissão comunitária nacionais ou internacionais, mas priorizando pacientes que retornaram de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal;
  • gestantes;
  • profissionais de saúde com sintomas respiratórios suspeitos;
  • pessoas com febre, suspeitas de infecção, triadas nos Aeroportos, Portos e nas Estradas.

Caso a pessoa não se enquadre em um dos casos citados acima, não há indicação para coleta de amostra. Por isso, a equipe de monitoramento da Secretaria Municipal de Saúde segue acompanhando esses casos, por meio de ligação feita de 24h a 48h, para verificar e avaliar o quadro de saúde dos pacientes em monitoramento.

Call Center –A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza um Call Center para tirar dúvidas da população sobre o Covid-19 e atender pessoas que estiveram em viagem para as áreas de transmissão ou em contato com pessoas desse perfil, apresentando febre ou, pelo menos, um sintoma respiratório.

Contatos:

  • Telefones fixos: (77) 3429-7451/3429-7434/3429-7436
  • Celulares: (77) 98834-9988/98834-9900/98834-9977/98834-9911

O Laboratório Central (Lacen) divulgou, na tarde de hoje (03), a confirmação do segundo caso de Coronavírus em Vitória da Conquista. O paciente é residente do município, sexo masculino, tem 42 anos e não possui histórico de viagem.

O boletim também mostra que, até às 17h de hoje (3), já foram notificados 213 casos com suspeita clínica e epidemiológica de infecção Coronavírus, dos quais: 87 foram descartados laboratorialmente e 5 por vínculo epidemiológico*, 81 aguardam resultado das amostras enviadas ao Lacen, em Salvador, e 38 aguardam coleta.

Após a coleta, as amostras são enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), do Governo do Estado, em Salvador, que é responsável pela divulgação dos resultados dos exames do município, após a análise laboratorial das amostras enviadas para o diagnóstico de Covid-19.


A Bahia registra 246 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), o que representa 3,8% do total de casos notificados. Até o momento, 1763 casos foram descartados e houve dois óbitos, ambos de pessoas residentes em Salvador que apresentavam comorbidades associadas. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17 horas desta quarta-feira (1º). Ao todo, 34 pessoas estão curadas e 33 encontram-se internadas.

Estes números representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Dentre os casos confirmados, 52,03% são do sexo masculino e 47,97% do sexo feminino. O coeficiente de incidência por 100.000 habitantes foi maior na faixa de 70 a 79 anos (3,44), indicando o maior risco de adoecer entre os idosos.

Diferente do que foi divulgado no boletim anterior, o município de Catu não possui casos confirmados de Covid-19. Ressaltamos que os números são dinâmicos e, na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação. Outras informações em saude.ba.gov.br/coronavirus.

Para acessar o boletim completo, clique aqui.

 

Diagnóstico laboratorial de infecção pelo SARS-CoV-2

Pacientes com suspeita de COVID-19 devem ter amostras coletadas e enviadas para o Lacen-BA quando estiverem em um dos seguintes critérios abaixo-relacionados:

1. Pacientes com sinais de gravidade, Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) ou internados;
2. Pacientes sem sinais de gravidade contactantes de caso de COVID-19 suspeito ou confirmado, ou com histórico de viagem recente ao exterior em países com circulação do SARS-CoV2, e regiões do país com transmissão comunitária sustentada;;
3. Profissionais de saúde com sintomas respiratórios suspeitos de COVID-19;
4. Gestantes com sintomas respiratórios suspeitos de COVID-19;
5. Pessoas com febre, suspeitas de infecção, triadas nos Aeroportos, Portos e nas Estradas.

Observação: pacientes que não se enquadrem nas situações acima não têm indicação para coleta de amostras.


Na noite desta terça-feira (31), foi registrado em Vitória da Conquista o primeiro caso positivo de infecção pelo COVID-19. Logo após a divulgação do Boletim Epidemiológico diário, o resultado foi liberado pelo Sistema do Laboratório Central da Bahia, em Salvador, como detectável para o Coronavírus, às 18h07min.

O primeiro caso confirmado trata-se de um jovem de 27 anos que estava sendo devidamente acompanhado e monitorado pela equipe de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde. O paciente encontra-se assintomático e em isolamento domiciliar.

Além disso, todos os seus contatos familiares também estão sob monitoramento e sem sintomas respiratórios. Durante o monitoramento domiciliar, o paciente manteve-se com quadro gripal leve. Seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, a equipe do Lacen Municipal realizou a coleta do exame em sua residência no dia 24 de março e encaminhou para o LACEN para a realização de análises.

A Secretaria Municipal de Saúde reforça a importância de que a população siga as orientações de distanciamento físico e isolamento social, mantendo os cuidados de higiene, evitando aglomerações e, caso apresente sintomas da doença, entre em contato imediatamente com uma Unidade de Saúde ou com o Call Center.

Contatos do Call Center:
Telefones fixos: (77) 3429-7451/3429-7434/3429-7436
Celulares: (77) 98834-9988/98834-9900/98834-9977/98834-9911


Após ter liberado, nesta terça-feira (31), o Boletim Epidemiológico diário, a Secretaria Municipal de Saúde recebeu, no início desta noite, novas informações do Laboratório Central (Lacen). Vitória da Conquista atesta seu primeiro caso para a Covid-19.

Trata-se de um homem, de 27 anos, que estava sob monitoramento.

O boletim com os novos dados vai ser liberado em instantes pela Secretaria de Saúde do Município.


Foto: BLOG DO ANDERSON

Um paciente de 67 anos evoluiu ao óbito por insuficiência respiratória no Hospital Geral de Vitória da Conquista. O idoso, que portava doenças crônicas, esteva na Unidade de Terapia Intensiva e foi submetido a dois testes de COVID-19, sendo que o primeiro deu negativo e o segundo ainda aguarda resultado das amostras enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública Professor Gonçalo Moniz (LACEN/BA), em Salvador, conforme informações da Assessoria de Comunicação do HGVC ao BLOG DO ANDERSON neste domingo (29). Além desse, outros 64 exames aguardam os devidos retornos.


O prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, decidiu renovar o decreto de prevenção ao coronavírus.

O gestor esteve reunido com o comitê de crise na manhã de hoje (domingo) e decidiu manter o decreto com relação ao comércio, academias de ginásticas, escolas, bares, restaurantes, faculdades, universidades. Tudo fechado.

“Pelo que estamos acompanhando, de técnicos, da Organização Mundial de Saúde, vamos continuar com essas restrições, estamos preocupados, assustados, vamos continuar em casa, orando pelo Brasil, pela Bahia e em especial pela nossa cidade, pedimos a compreensão”, disse.


O aeroporto Glauber Rocha, na cidade de Vitória da Conquista, ficará fechado por cerca de dois meses com suspensão dos voos em meio a pandemia da Covid-19. Apenas seguranças, agentes de limpeza e locadoras de veículos permanecerão trabalhando no local.

Com 16 linhas aéreas, entre embarques e desembarques, a administração do aeroporto informou que o funcionamento do terminal está suspenso. Como os voos precisaram ser cancelados por falta de demanda, as companhias aéreas suspenderam os pousos e decolagens na cidade por um tempo médio de dois meses.

A última viagem do aeroporto, inaugurado no ano passado, foi na última sexta-feira (27) com destino para o estado de São Paulo.

Atualmente, de acordo com último boletim da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia, a cidade de Vitória da Conquista não apresenta casos de Covid-19.

Fonte: Bahia Notícias.