Governo anunciou aumento de impostos sobre o combustível; especialistas citam alternativas como cortar outros gastos ou repensar a necessidade do carro.

A analista de suporte Juliana Garcia Calado, de 32 anos, se assustou quando fez as contas e descobriu quanto deve gastar a mais para abastecer o carro após o aumento dos impostos dos combustíveis: R$ 17 por semana. “Nossa, tudo isso?! Não esperava que fosse tanto. Estava feliz porque recentemente tinha baixado quase R$ 0,10 o litro…”

Assim como Juliana, muitos brasileiros vão sentir os efeitos do aumento do preço dos combustíveis. Desde sexta-feira (21), o governo cobra R$ 0,41 por litro a mais de PIS e Cofins sobre a gasolina. Após o anúncio, filas de carros foram formadas em postos de combustíveis, com motoristas buscando garantir o tanque cheio antes de o aumento chegar nas bombas.

Mas correr para o posto não é solução, pois os consumidores devem agora avaliar como fica o orçamento com esse custo extra. Essa é a recomendação do educador Financeiro Reinaldo Domingos, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), e de André Bona, do Blog de Valor. Para eles, o importante é encontrar saídas para compensar o impacto que esse aumento trará para o orçamento da família.

Corte de gastos

Uma das opções pode ser até reavaliar se o uso do carro realmente compensa na comparação com o transporte público, táxi ou Uber, por exemplo. No entanto, Bona diz que é preciso cuidado para não acabar sacrificando a rotina em nome de uma economia pequena. Segundo ele, às vezes, é melhor buscar compensar a despesa extra com corte em outros gastos.

É exatamente isso que Juliana pretende fazer. Ela mora a em Cotia (SP), a 42 quilômetros de seu local de trabalho, no centro da capital paulista. “Eu gasto uma hora de carro. De ônibus, gastaria de 2 horas a 2 horas e meia. Teria uma redução de custo, mas eu teria que sacrificar minha qualidade de vida”, pondera.

“Uma dica que eu dou é que as pessoas tentem cortar os supérfluos de cima para baixo, do mais caro para o mais barato. Se a pessoa corta um gasto com filmes que custa R$ 20 por mês, pois exemplo, a família perdeu o lazer e, nas contas, vai ter pouco impacto. Ao passo que, se a pessoa consegue economizar 10% dos gastos no supermercado, no mês o resultado vai ser maior”, diz Bona.

Domingos também aconselha que o aumento seja compensado com cortes em outras despesas.

“É possível diminuir o impacto do aumento cortando por exemplo aqueles R$ 2, R$ 3 que se gastava com algo que não se precisava tanto, como aquele cafezinho no meio do dia. Esses pequenos ajustes compensam os R$ 0,41 as mais no litro da gasolina”, diz Domingos.

O carro é mesmo essencial para você?

Embora não seja o caso de Juliana, Domingos lembra que a substituição do carro por outro meio de transporte ainda pode ser uma boa alternativa para alguns consumidores. O especialista afirma que cada pessoa precisa questionar suas prioridades em relação ao que se gasta.

Para o Domingos, o reajuste dos combustíveis pode ser uma boa hora para mudar os hábitos. “Tem o transporte público, precisa mesmo usar carro? Não seria mais econômico usar os aplicativos de táxi?”, questiona.

Outros preços também podem aumentar

Tráfego de caminhões na Rodovia Deputado Cunha Bueno, na região de Ribeirão Preto (Foto: Maurício Glauco/EPTV)

Tráfego de caminhões na Rodovia Deputado Cunha Bueno, na região de Ribeirão Preto (Foto: Maurício Glauco/EPTV)

Ainda que o aumento de impostos atinja diretamente apenas os combustíveis, outros preços podem acabar subindo, como em uma reação em cadeia. Isso porque os custos de produção e transporte de vários produtos aumentampara as empresas, que ficam com duas opções: reduzir sua margem de lucro ou repassar o gasto extra ao consumidor.

Embora o Brasil viva um período de inflação em baixa, os educadores financeiros lembram que os consumidores devem estar preparados para um aumento de preços em produtos.

“Não se trata de um aumento isolado na gasolina, pois o consumo em geral será afetado, como alimentação, vestuário, lazer”, diz Domingos.

Já Bona comenta que o momento pode ser visto pelo consumidor como uma “oportunidade de melhorar seu perfil de gastos, para racionalizá-los de uma maneira mais inteligente”.

Apesar da pressão maior sobre o orçamento, os especialistas ressaltam a importância de manter o hábito de poupar, envolvendo toda a família no processo e estabelecendo metas. “É preciso fazer a lição de casa em relação ao que se está gastando”, diz Domingos.

Especialistas recomendam controlar os gastos como um todo para compensar aumento de impostos (Foto: Pâmela Fernandes/G1)

Especialistas recomendam controlar os gastos como um todo para compensar aumento de impostos (Foto: Pâmela Fernandes/G1)


Um carro de passeio bateu em outro veiculo que estava estacionado, na manhã deste sábado (22), por volta das 5 h da manhã, depois que um homem de nome não identificado, perdeu o controle do veículo ao desviar de um cachorro e acabando colidindo no fundo de outro carro.

Segundo moradores que presenciaram o ocorrido, o motorista que subia a Rua dos Andrades, foi desviar de um cachorro e acabou batendo em um outro carro que se encontrava estacionado. No momento do acidente, havia muita neblina.

Carro estacionado acabou batendo de frente com o container. Apesar do suto, ninguém ficou ferido e ambos proprietários acionaram o seguro dos veículos.


Faleceu na manhã deste sábado (22), por volta das 06:15, na UPA, Unidade de Pronto Atendimento de Vitória da Conquista, Milene de Jesus Freitas, de 31 anos. Ela estava internada há 4 dias e se encontrava em coma-induzido e necessitava urgente de ser transferida para uma UTI no HGVC, Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Em decorrência da gravidade do estado de saúde, Milene não resistiu e veio a óbito na manhã deste sábado.

O Blog do Edyy entrou em contato com a família nessa sexta-feira (21), para tentar ajudar a conseguir a transferência da jovem junto ao judiciário, através da Defensoria Pública do Estado da Bahia, na pessoa do Dr. Glauco Souza, onde seria feito todos os procedimentos cabíveis a justiça e garantir todos os direitos da jovem Milene de Jesus. Infelizmente o tempo não nos ajudou e isto não foi possível.

Quero aqui, deixar meus sentimentos a toda família de Milene, em especial a Simara, que se prontificou a tentar salvar a vida da tia dela, entrando em contato com os blogs da cidade de Vitória da Conquista e principalmente do nosso amigo do Blog do Ricardo Nolasco que colaborou do começo ao fim a frente desse caso.

Confira a matéria feita na última sexta-feira.

Conquista: Mulher internada na UPA em estado grave aguarda por vaga na UTI do HGVC

 

 


A Defensoria Pública do Estado da Bahia, obteve na justiça a transferência de um paciente internado em estado grave e delicado, que sofreu um AVCH no município de Livramento para o Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Milene de Jesus Freitas, de 31 anos, está internada há 3 dias na Unidade de Pronto Atendimento de Vitória da Conquista, UPA.

Milene se encontra em coma induzido e necessita urgentemente de uma transferência para uma UTI no Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Em conversa com o Blog do Edyy, Simara, sobrinha de Milene, relatou que teme muito pela vida da tia e que o Hospital providencie uma vaga na UTI com urgência.

Segundo familiares, o caso de Milene é gravíssimo e precisa ser transferida imediatamente, pois a UPA não tem o suporte adequado para o estado da mesma e o quadro de saúde dela só piora cada vez mais.

Colaborou com a informação: (Blog do Ricardo Nolasco)

 


O ex-prefeito da cidade de Itarantim, Florindo Dantas, se encontra internado há mais de 40 dias, na santa casa de Itabuna, precisando urgentemente de doações de sangue tipo o positivo.

Familiares do senhor Florindo, estão mobilizados fazendo um apelo nas redes sociais, pedindo aos amigos que moram na região de Itabuna, para fazer esta doação que poderá ajudar a salvar a vida do ex-prefeito.

O atual prefeito de Itarantim Paulo Construção esteve na cidade de Itabuna para visitar o ex-prefeito.

A doação pode ser deita no banco de sangue da Santa Casa de Itabuna, localizada no bairro Pontalzinho.


O governo federal decidiu dobrar a alíquota do PIS e Cofins que incide sobre os combustíveis, passando de R$ 0,38 por litro para R$ 0,79 por litro. Com isso, o valor do litro do combustível nas bombas pode ficar até R$ 0,41 mais caro. O reajuste foi anunciado nesta quinta-feira (20) pelos ministério da Fazenda e do Planejamento por meio de nota. O novo preço do imposto passa a valer a partir desta sexta (21), com a publicação no Diário Oficial da União. No caso do biodiesel, a alíquota vai subir de R$ 0,24 para R$ 0,46. Dessa forma, o combustível pode ficar até R$ 0,21 mais caro. Já o PIS e Cofins do etanol, até então zerado, vai passar a custar R$ 0,19 para os distribuidores.

Acidente ocorreu na manhã desta quinta-feira (20), na zona rural de Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste do estado.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) da cidade de Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste da Bahia, tombou na manhã desta quinta-feira (20), quando seguia para atender um paciente que estava sofrendo convulsões, em Barrinha, na zona rural do município. A Polícia Militar da cidade confirmou a ocorrência, mas não deu detalhes do caso. Por conta do acidente, o veículo ficou com a frente destruída e o para-brisa ficou estilhaçado.

Segundo o Controlador Geral do Município, Jânio Soares Lima, estavam no veículo, além do condutor, uma médica e duas enfermeiras. Ninguém ficou ferido. Segundo ele, as causas do acidente ainda estão sendo investigadas e, apesar da ocorrência, a população não ficará sem assistência do Samu.

“Essa ambulância do acidente era uma avançada, estava nova, com cerca de quatro meses. Já acionamos o seguro e vamos aguardar. A cidade ainda tem outras duas ambulâncias, uma básica e outra avançada. Elas vão continuar atendendo à população até que ambulância envolvida no acidente seja recuperada”, explicou.

Jânio informou que ainda outra ambulância foi acionada para socorrer o paciente de Barrinha. Não há detalhes do estado de saúde dele.

(G1)


O presidente da câmara municipal de vereadores de Potiraguá, Antônio Oliveira, marcou com os demais vereadores, uma seção nesta quinta feira (20), as 14 horas, para que um projeto de lei fosse votado.

Só lembrando que o horário normal das seções é as 19:30 h, toda quintas-feira. Este novo horário de seção não foi divulgado a população que sempre marcam presença em todas as seções da câmara.

A presença da população é muito importante, pois seria bom assistir a votação de um projeto que poderá beneficiar a todos, se assim for aprovado.