O Prefeito de Potiraguá, Jorge Cheles, (PMDB), já está ficando conhecido no governo do estado como o “prefeito pidão”. Nesta semana ele juntamente com o vice Elias Carvalho, o Secretário de Administração Diego Cheles e o Secretário de Obras Ezequiel Batista e o presidente da Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Córrego do Nado, o Senhor Valdenir, estiveram nessa terça-feira (18/07) em Salvador.
Na oportunidade receberam do Deputado Federal Ronaldo Carletto a conquista junto a CAR – Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional do estado, de diversas barracas metálicas para serem entregues aos feirantes.
Essas barracas são de metalon com cobertura de lona, onde o prefeito Jorge Cheles entregará aos barraqueiros que há muitos anos utilizam barracas de madeiras.
A ação visa dar melhor estrutura a feira livre do município e oferecer melhores condições de higiene, já que as barracas metalizadas apresentam maior facilidade de limpeza e condicionamento dos produtos.
Segundo a CAR, há ainda a possibilidade de se conseguir muitas outras barracas nos próximos meses, onde a prefeitura irá atuar fortemente para garantir mais esse benefício a esses profissionais.
“meu partido político é Potiraguá e tenho que solicitar dos governos estadual e federal melhorias para esse povo carente. Fui eleito para ser o porta-voz do povo da nossa cidade, e estou fazendo isso e conseguindo conquistas importantes”, declarou o prefeito.

(politicosdosuldabahia)


Um acidente de trabalho, na tarde desta terça-feira (18), na cidade de Vitória da Conquista, matou o itapetinguense Maxsuel Costa Pacheco, de 35 anos.

Segundo testemunhas, por volta das 16h40, o homem trabalhava em um imóvel, localizado na Avenida Bartolomeu de Gusmão, quando a laje do local veio abaixo. Os bombeiros foram acionados e encontraram o corpo de Maxsuel soterrado em meio aos escombros.

Outro homem, identificado como Tiago, também ficou ferido. Ele trabalhava na obra juntamente com Maxsuel quando o acidente de trabalho  aconteceu. Tiago foi socorrido e levado para o Hospital de Base de Vitória da Conquista pelo Samu-192. Seu estado de saúde é considerado grave.

O local da tragédia foi isolado e avaliado pela Defesa Civil, que ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

De acordo com informações checadas pelo Itapetinga Repórter, o pedreiro morava na mesma avenida onde ocorreu a tragédia.  A esposa dele esteve no local e parecia não acreditar no que estava vendo.

Ainda de acordo com as informações, Maxsuel já morou na Rua Humberto de Campos, no Bairro São Francisco de Assis, em Itapetinga, sua terra natal.

(Itapetingareporter)


Um homem morreu e outro ficou ferido após o desabamento de um imóvel que estava em reforma, na tarde desta terça-feira (18), em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia. De acordo com a Polícia Militar, o caso aconteceu na Avenida Bartolomeu de Gusmão, no bairro Jurema, por volta das 16h. A polícia informou que as vítimas trabalhavam no local. Não há detalhes do que causou o desabamento.

Conforme a polícia, o homem que morreu tinha 35 anos. Ele foi levado para o Hospital Geral de Vitória da Conquista pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Não há informações do estado de saúde dele.

O corpo do homem que morreu foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Vitória da Conquista. De acordo com a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e agentes do Departamento de Polícia Técnica estiveram no local e farão uma análise para descobrir as causas do desabamento.


magem foi feita por professora que esperava na fila da agência da Caixa Econômica, em Volta Redonda, RJ; imagem ultrapassa 6 mil compartilhamentos na internet.

Postagem de professora mostrando bom exemplo de gerente bancário viralizou (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma cena que ocorreu na última quarta-feira (12) chamou a atenção de quem esperava na fila de uma agência da Caixa Econômica Federal, em Volta Redonda, RJ. O gerente de relacionamento levantou de sua mesa, foi até o saguão de autoatendimento e sentou no chão para prestar atendimento a um cliente, portador de deficiência física.

A professora Maria Isabel de Paiva, de 54 anos, que aguardava na fila, registrou o momento em uma foto e fez uma postagem no Facebook. Às 18h33 desta terça-feira (18), o conteúdo já havia sido compartilhado mais de 6 mil vezes e recebido mais de 24 mil curtidas.

“Não tinha o hábito de ir à aquela agência, fui por acaso naquele dia. Vi o senhor portador de deficiência, a princípio sem ser notado, aguardando a vez. De repente surgiu o gerente e o atendeu dessa maneira, sentando no chão, olhando nos olhos. Achei interessante a prontidão dele, a boa vontade. Que esse gesto sirva de exemplo”, disse.

Procurada pelo G1, a assessoria da Caixa informou que Luís Cláudio de Souza Lima trabalha há cinco anos na agência situada na Avenida Amaral Peixoto, no Centro de Volta Redonda. O G1 também tentou ouvi-lo, mas ele não havia retornado as ligações até a última atualização desta reportagem.

(g1)


 

Sabe aqueles grupos de Whatsapp onde as pessoas costumam postar mensagens sobre onde estão ocorrendo blitz e abordagens da Polícia Rodoviária, Militar ou DETRAN? O administrador de um destes grupos foi apreendido na manhã da última segunda-feira (10) em Paranatama, agreste pernambucano.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) viajaram ao município e cumpriram o mandado de busca e apreensão contra o homem suspeito de ser o administrador do grupo. O mandado foi expedido pela Justiça Federal a pedido do Ministério Público Federal a partir de investigações da própria polícia.

A divulgação do local onde estão ocorrendo blitz, além de ser crime, atrapalha ações desenvolvidas por agentes do trânsito. Outros grupos do interior de Pernambuco estão sendo investigados, os membros e administradores podem responder por associação criminosa.


A tão esperada operação tapa-buracos chegou em Vitória da Conquista, mas, em alguns pontos, as crateras ainda estão sendo ‘escondidas’ com cascalho e terra, o que tem revoltado a população.

Em seu site oficial, a Prefeitura da cidade divulgou um cronograma das ruas e avenidas que irão receber a operação. Para ter acesso, clique aqui.

Segundo técnicos da Secretaria de Infraestrutura Urbana, o rápido processo de degradação da malha asfáltica das vias de Vitória da Conquista é causado pela falta de sistemas de drenagem e pela baixa qualidade do revestimento. Essas falhas estruturais fazem com que a operação tapa-buraco deixe de ser uma ação pontual e esporádica para se tornar uma rotina administrativa constante e custosa tanto para o município quanto para os cidadãos que usam as vias.

A Secretaria de Infraestrutura Urbana esclarece que tentará buscar uma solução para o problema da drenagem, realizando o serviço antes da pavimentação das vias, onde isso for possível. A prioridade, no momento, é a operação tapa-buraco e, posteriormente, será iniciado o trabalho de recapeamento de algumas ruas e avenidas, a exemplo da Bartolomeu de Gusmão.

(blogdorodrigoferraz)


A Prefeitura Municipal de Potiraguá anunciou nesta sexta-feira (14/07), a exoneração do seu cargo de Secretária Municipal de Assistência Social de Potiraguá, Jayra Das Graças de Assis Santos.  Após 6 meses e 14 dias à frente da Secretaria de Desenvolvimento Social.

O alcaide ainda não informou os motivos do qual exonerou a mesma conforme publicado no Diário Oficial do Município.

http://potiragua.portalgov.net.br/portais/2925402-99999//diariooficial/2017/DOE%20-%20PM%20POTIRAGU%C3%81%20-%2014-07-2017%20-%20N%C2%BA%20144.pdf


O músico Zeca Pagodinho sofreu um acidente, na noite desta sexta-feira, em Xerém, distrito de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Segundo a assessoria do cantor, o quadriciclo guiado por Zeca tombou enquanto ele tentava fazer um retorno próximo a uma praça, depois que ele perdeu a direção do automóvel, por volta das 22h. Policiais militares do 15º BPM (Duque de Caxias) chegaram a se dirigir ao local do ocorrido.

Consciente, o artista aguardou a chegada da ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e foi levado para o hospital particular Caxias D’Or, na mesma cidade. Na unidade, ainda de acordo com a equipe do cantor, ele passou por exames de rotina e seu estado de saúde é estável.

A assessoria de Zeca informa ainda que o artista encontra-se, nesse instante, em repouso no setor de emergência, onde deve permanecer em observação até sábado. Já a Rede D’Or não divulgou nenhum boletim médico até o momento.

Há mais de duas décadas, o artista é dono de um sítio em Xerém, onde costuma receber amigos e realizar rodas de samba, que já serviram até para a gravação de CDs e DVDs. Em 2013, quando a região foi atingida por fortes temporais, ele chamou a atenção ao percorrer ruas do distrito em seu quadriciclo, prestando auxílio às vítimas. Fonte: Extra


Faleceu, na tarde desta terça-feira (11), em Itabuna, por volta das 15h, a professora Elizabete Freitas, 60 anos, em decorrência de um câncer.

Elizabete foi professora durante muitos anos na cidade de Potiraguá. Ela deixa quatro filhos e sete netos.

O corpo dela está sendo velado na Igreja Assembleia de Deus em Potiraguá, ao lado do mercado do artesanato, de onde seguirá as 16h para o cemitério local.

Neste momento de dor e pesar o Blog do Edyy lança os sinceros sentimentos pelo ocorrido a toda a família de Dona Elizabete.


Aprovação do texto que modifica a CLT é vitória do combalido governo de Michel Temer

A proposta de reforma trabalhista foi aprovada nesta terça-feira (11) no plenário do Senado, por 50 votos a 26, depois de uma tarde cheia de confusões e protestos. O projeto, que já passou pela Câmara, segue agora para a sanção do presidente Michel Temer (PMDB), que promete alterar alguns pontos do projeto via medida provisória como parte da negociação feita com os senadores.

A aprovação, mais de sete horas após o início da sessão, é uma vitória do combalido governo Temer. As reformas – trabalhista e da previdência – são o principal argumento do peemedebista para se manter no cargo e superar a grave crise política que enfrenta. A situação de Temer ficou ainda mais aguda após o parecer favorável do deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), relator na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que analisa se autoriza a denúncia por corrupção passiva contra o presidente no Supremo Tribunal Federal (STF).

Diferentemente da reforma da Previdência, a trabalhista sempre foi considerada mais simples de ser aprovada, por precisar de maioria simples no plenário – a da Previdência exige três quartos. Para a votação acontecer, era necessário um quórum mínimo de 41 senadores no plenário – são 81 ao todo. A reforma foi aprovada.

A expectativa do líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), era de conseguir ao menos 48 votos favoráveis à proposta, mais até do que o requerimento de urgência para a proposta, aprovado na semana passada por 46 votos a 19. Há uma semana, a conta do Planalto era menos otimista e dava como certo o aval de 42 dos 81 senadores.

 

O que muda com a reforma trabalhista?

Apesar da aprovação no Senado, esse texto ainda deve passar por alterações. Como estratégia do governo, os senadores não fizeram modificações no texto da reforma, mas propuseram sugestões de veto. A intenção era de acelerar o processo legislativo e evitar que o texto retornasse à Câmara dos Deputados. Dessa forma, o presidente Temer terá de alterar alguns pontos do projeto via medida provisória (MP).

O ponto mais polêmico que deve ser alterado é sobre o fim do imposto sindical. O fim da cobrança compulsória foi proposto no relatório do deputado Rogério Marinho (PSDB-RN) e passou intocado pela Câmara. Mas no Senado foi questionado e virou moeda de troca com as centrais sindicais, o que acabou esvaziando a última greve geral, marcada para 30 de junho.

A opção estudada pelo governo é a de unificar o imposto sindical e a contribuição assistencial em uma única taxa, compulsória, e que receberia o nome de “contribuição de assistência e de negociação coletiva”. Mas, até agora, ninguém viu o texto da MP.

O projeto de reforma traz uma grande mudança nas regras da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), que regem hoje as relações entre patrões e empregados, promovendo uma alteração na lógica da relação trabalhista. Pela proposta que foi aprovada, o que é negociado em convenções coletivas passa a ter prevalência sobre a própria legislação. Mas, ao contrário do que a oposição bradava, o novo texto não retira direitos. De todas as mudanças propostas, é possível afirmar que há dois direitos revistos no texto: as horas in itinere e o intervalo obrigatório de 15 minutos para mulheres antes do início da hora extra.

Outro objetivo da reforma é o de acabar com a indústria da ação trabalhista. Propostas para cobrança de honorários na sucumbência, multa por mentira, restrição ao acesso à justiça gratuita e cobrança menor para recursos visam diminuir o número de ações trabalhistas.