Blog do Edyy

Cobra sucuri de sete metros é encontrada tentando devorar égua, em Camacã

Clique aqui para ver as imagens

Uma cobra sucuri (anaconda), aparentando medir sete metros de cumprimento, foi encontrada em um lago, tentando devorar por constrição uma égua, na região da”Via Bagó”, a aproximadamente 05 km da sede do município. As primeiras informações, apontam que a cobra gigante, foi encontrada por um vaqueiro, e estava tentando devorar o animal nas margens de uma lagoa. Tudo indica que o quadrupede estava tentando matar a sede no local quando foi atacado e morto pela serpente. Ainda segundo informações, ao tentar salvar a égua que já estava enroscada pela cobra, o trabalhador pediu ajuda, com o objetivo de tirar o animal das garras da sucuri, mas quando conseguiu, a cobra já tinha sufocado e matado o bicho. Ao fundo é possível ver a égua, depois que foi morta pela cobra.

Ao longo das décadas, muitas pessoas, dizem ter avistado grandes cobras, às margens do Rio Pardo, e na barragem (Rio Panelão), sentido ao distrito de Jacarei, mas nunca uma serpente com essas dimensões. Este já é o segundo registro da presença de “cobra sucuri” no município de Camacan. No dia 1º de outubro de 2019, o Chapista identificado como “Caboclo”, contou em entrevista ao Portal O Tempo Jornalismo, que foi atacado por uma cobra gigante nas margens do Rio Panelão, na Beira Rio. Na época ele contou que a cobra teria lhe atacado enquanto pescava próximo à rua Ana Neri.

 

Ele conta que se assombrou ao ver o comprimento e grossura do réptil, quando o animal saiu da água, em  sua direção, e teve que sair correndo do local, pois lhe perseguia por dentro de um pasto. “Eu deixei os instrumentos de pesca para trás fugir pedindo socorro, pois temia que o pior viesse ocorrer”, disse. A sucuri encontrada na Via Bagó nesta sexta-feira, foi uma das maiores vistas por estas bandas. Fonte: O tempo Jornalismo


Curta e Compartilhe.


Leia Também