Após receberem a notícia da demissão em massa, funcionários da empresa calçadista Renata Melo de Potiraguá continuam a trabalhar até o cumprimento do aviso prévio. Enquanto cumprem a norma trabalhista, os mesmos estão temendo o contágio pelo novo coronavírus, já que a empresa não dispõe de EPI,s (Equipamentos de Proteção Individual).

Nesta terça-feira (07), os trabalhadores retornaram para a fábrica após o termino das férias coletivas cedidas pela empresa por causa do crescimento da pandemia do coronavírus. No entanto foram surpreendidos com uma das piores notícias, a empresa anunciou a demissão de todos seu colaboradores.

Já nesta quarta-feira (08), vários funcionários da empresa entraram em contato com a redação do Blog do Edyy para denunciar as péssimas condições de trabalho dentro da empresa. Segundo eles, (que preferiram não terem seus nomes revelados), a empresa não está oferecendo as mínimas condições de trabalho conforme prevê a Norma Regulamentadora NR 6.

“Estamos cumprindo nosso aviso prévio correndo o risco de sermos contaminados por este vírus terrível, o covid-19. Não temos mascaras, luvas e tampouco álcool em gel. A todo momento chegam matérias vindos da cidade de Itarantim, cidade que já existe caso confirmado, e sem contar que aqui são quase 300 funcionários, um trabalhando próximo do outro. Estamos desesperados. Sabemos do quanto a empresa é importante para todos nós, mas o momento agora requer total atenção à nossas vidas”. Desabafou um dos funcionários da empresa à nossa redação.

 


Uma colisão entre dois veículos de passeio foi registrado no final da tarde desta terça-feira (07), na BA-270, próximo a Fazenda Colatina, estrada que liga Potiraguá e Itapetinga.

Segundo informações colhidas pelo Blog do Édyy, o motorista de um carro que presta serviços à Coelba, teria saído de uma Fazenda e entrado na rodovia sem olhar para um dos lados, foi quando estava vindo outro carro de passeio no mesmo sentido da rodovia e acabou colidindo na lateral do veículo da empresa.

Com o impacto da colisão, ambos os carros saíram da rodovia e foram parar no mato ao lado da pista. O carro que seguia sentido Itapetinga à Potiraguá haviam três ocupantes, eles não tiveram os nomes revelados, dois saíram ilesos, sendo que o motorista acabou sofrendo uma luxação em um dos braços.

No outro veículo, haviam dois ocupantes. Eles nada sofreram.


Da mesma forma que foi comunicado em Itarantim, sobre a paralização das atividades, a Renata Melo fez o mesmo comunicado para os funcionários da cidade de Potiraguá.

Na tarde desta terça-feira (07), a empresa concedeu aviso prévio a todos os funcionários da empresa calçadista da cidade.

Segundo o setor de Recursos Humanos, o aviso prévio se deu por conta da pandemia do coronavírus, que tem trazido inúmeros prejuízos à empresa calçadista. Ainda segundo a empresa, a paralisação das atividades não é o fim da Renata Melo no município, mas sim uma pausa para que as pessoas fiquem em casa e não corram o risco de se contaminarem com o covid-19. A empresa também acrescenta que não há possibilidade de pagar os funcionários sem haver entrega de pedidos, e que a única solução foi conceder aviso prévio a todos. A empresa também reafirmou que todos os funcionários terão seus direitos garantidos, conforme presa o Ministério do Trabalho.

Veja o pronunciamento do representante da empresa em Itarantim.


O município de Potiraguá voltou a registrar mais um caso suspeito do novo coronavírus, o covid-19.

A informação foi passado à redação do Blog do Édyy na manhã desta terça-feira (07).

O paciente, que não teve o nome nem o sexo revelado está em isolamento domiciliar. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a amostra para exame já foi coletado e posteriormente será encaminhado para o Lacen.

Vale a pena lembrar que o último caso suspeito no município teve o resultado negado pelo Laboratório do Estado.


Com o intuito de evitar as aglomerações com a entrega do Peixe da Semana Santa, a Prefeitura Municipal de Potiraguá, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, este ano irá substituir o peixe por cestas básicas.

Em contato com o Blog do Edyy, a prefeitura informou que a Assistência Social ficará responsável pelo cronograma de entrega das cestas e garantiu que será feito um regulamento para selecionar as famílias carentes do município e dos distritos. A entrega acontecerá nos dias, 8, 9 e 10 de abril.

A substituição do Peixe pela cesta básica se deu por conta da pandemia do coronavírus, pois, além de evitar aglomerações a cesta básica terá também mais opções de alimentos e irá durar por mais tempo. A entrega também contará com a ajuda da equipe da Vigilância Sanitária.


Desde a última quinta-feira (02) o Prefeito de Potiraguá Jorge Cheles baixou um novo decreto renovando por mais 19 dias a suspensão das aulas na Rede Municipal de ensino e atendimentos sociais no CRAS.

O decreto de N° 234/2020 e de N° 235/2020 também prorroga a proibição de serviços ou atividades que geram aglomerações de pessoas tanto em suas residências domiciliares ou em vias públicas tais como aniversários, casamentos, noivados, formaturas etc.

O decreto começou a valer desde o dia 01 de abril, última quarta feira, pelo período de 19 dias, podendo ser prorrogado diante da orientação das autoridades em Saúde.

Art.3º O não cumprimento das medidas estabelecidas neste Decreto, será caracterizado como infração a legislação municipal e sujeitará o infrator ás penalidades e sanções aplicáveis a espécie.


Sem qualquer tipo de receio em serem contaminados com o coronavírus, jovens estão realizando os famosos “babas” tranquilamente na quadra da Rua Nova.

No início de noite deste sábado o Blog do Edyy registrou o exato momento em que um grupo de jovens jogavam futebol livremente.

Em dias de quarenta total de enfrentamento ao covid-19, este tipo de ação está temporariamente proibido, pois é uma ação que exige o contato direto com o opositor e promove aglomerações.

A Polícia Militar foi acionada e esteve no local, mas os garotos já haviam terminado o “baba”.

Em pesquisa pelo site Diário Oficial do município de Potiraguá, o decreto que proíbe esse tipo de aglomeração vence hoje, dia (04-04), já que o mesmo foi publicado pelo prefeito no último dia 20 de março. O decreto, que também estabelece regras para eventos e outras aglomerações deverá ser atualizado na próxima semana.


A grande Cavalgada Amigos de Zé Amaral, que aconteceria no dia 2 de maio deste ano, em Itaimbé, (distrito de Potiraguá) foi adiada por causa da pandemia do coronavírus.

De acordo com o idealizador Zé Amaral, a data do evento ficará em aberto até passar esse período de quarentena, uma vez que está proibido qualquer tipo de aglomeração de pessoas. Sabendo da grande quantidade de pessoas que todo ano participam do evento, Zé Amaral optou por adiar a festa e esperar o momento oportuno para a próxima data de realização.


 

Na manhã desta quinta-feira (02), o Blog do Edyy esteve visitando o trabalho do pessoal que estão realizando a Barreira Sanitária nas entradas da cidade em combate ao coronavírus (Covid-19).

A ação, que teve início no último sábado (27), está sendo realizada através da Secretaria Municipal de Saúde de Potiraguá em parceria com a Vigilância Sanitária e a Guarda Civil Municipal e o apoio da Polícia Militar.

Nos pontos de acesso são feitas abordagens para verificar as condições epidemiológicas das pessoas que desejam entrar na cidade. Conforme a prefeitura, quem passar pelas rodovias de acesso à cidade deverá informar de onde veio e qual será o destino final.

São verificados sintomas como tosse, coriza ou dificuldade para respirar, além de medição de temperatura e questionamentos quanto à movimentação, circulação e contatos nos últimos 14 dias.

A barreira sanitária também está sendo realizada nos distritos de Gurupá-Mirim e Itaimbé. Lá as equipes estão realizando os mesmo procedimentos.


Depois de muitas cobranças do Blog do Edyy, o Posto Potiraguá, o único do município reduziu o preço do combustível.

 

A redução aconteceu na minha desta quarta-feira (1°) de abril, parece mentira, mas é verdade!. A redação do Bloco do Edyy esteve lá e constatou o fato. A gasolina que custava R$5 reais caiu para R$4,75, uma diferença de apenas 25 centavos, mas que em tempos de crise e sem concorrência, se torna uma diferença até considerável. Já o etanol sofreu uma redução de 14 centavos, ficando com o mesmo preço do diesel de R$3, 79.

Apesar da redução, a diferença ainda continua grande em relação ao preço que a gasolina é comercializada na vizinha cidade de Itapetinga, lá é vendida a R$4,14.