O último bloco do ‘Jornal Hoje’ desta sexta-feira (13) foi de pura emoção. Isso porque a apresentadora Sandra Annenberg se despediu do telejornal depois de ficar a frente dele durante 16 anos.

O último bloco do ‘Jornal Hoje’ desta sexta-feira (13) foi de pura emoção. Isso porque a apresentadora Sandra Annenberg se despediu do telejornal depois de ficar a frente dele durante 16 anos.

“É chegada a hora da despedida, eu tive o privilégio de ter a sua companhia nos últimos 16 anos nesta bancada, diariamente nos encontramos aqui, ao vivo, em cores, olho no olho. Tenha a certeza, eu fiz o meu trabalho com toda a verdade, transparência e sentimento. Juntos assistimos a história acontecendo e acompanhamos as transformações do nosso país e do mundo. Agora, vem aí mais uma mudança em nossas vidas. Eu sigo em uma nova jornada no Globo Repórter”, discursou a apresentadora.


 

Luciana Fernandes, a Jenifer de “A dona do pedaço“, espera seu primeiro filho. A atriz, de 22 anos, está grávida de três meses do namorado, Thiago Molfi (foto abaixo):

– Não foi planejado, mas está sendo incrível. No início, ficamos muito assustados. Tivemos uma crise de riso poque não sabíamos nem interpretar o exame de sangue de Beta HCG. Liguei para a médica, li o que estava escrito e ela me deu os parabéns. Tenho uma rede de apoio muito grande, amigas e uma mãe maravilhosa. Não estou preocupada.

Apesar da surpresa, o casal fazia planos de ter filhos:

– Nós sempre mostrávamos um para o outro fotos de bebês na internet. Estamos realizando um sonho. Esperava ser mãe com 25 ou 26 anos, mas me sinto preparada.

Luciana conta que adoraria ser mãe de uma menina:

– Estou torcendo muito, só penso nisso. Já tenho até o nome: será Amora. É porque, quando descobri a gravidez, acessei um aplicativo que me indicou que o bebê estava com o tamanho de uma amorinha

A atriz já avisou a equipe da novela sobre a gestação, mas ainda não sabe o que acontecerá com a personagem:

– Estou aguardando. De repente a personagem fica grávida também. Estava com medo de isso afetar meu trabalho negativamente, mas, diante dessa notícia, tudo acaba se tornando pequeno.

Na novela, Jenifer trabalha na confeitaria que era de Maria da Paz (Juliana Paes) e namora Rael (Rafael Queiroz). A atriz revela que não torce pelo casal:

– Jenifer é uma menina muito boa para ficar com um homem como ele. Apesar de gato, é mau-caráter, não compensa. Espero que ela encontre outra pessoa.


Luan Santana e sua equipe passaram por uma situação arriscada neste domingo (18), antes de realizarem um show em Juara, no Mato Grosso.

De acordo com informações da jornalista Fábia Oliveira, do site O Dia, Luan e sua equipe saíram da cidade de Sinope, onde haviam pousado, e seguiram numa van até o local do show. A distância entre uma cidade e outra é de 294km, o que dá cerca de 4h30 de viagem. No caminho, o carro de apoio, que estava com os seguranças da produção local, colidiu com a traseira da van que levava Luan e a equipe. O motorista da van foi o único a se ferir no acidente, fraturando três costelas.

Luan Santana está bem, e já está no Rio de Janeiro para participar do show ao vivo do ‘Criança Esperança’ que acontece nesta segunda-feira (19) na TV Globo.


O ator João Carlos Barroso faleceu na noite dessa segunda-feira (12/08/2019), aos 69 anos. Ele lutava contra um câncer. O profissional, que ficou conhecido por diversos papéis na Globo, recebeu muitas mensagens de pesar vindas de amigos e colegas.

“É com imensa tristeza que recebo esta notícia. Nosso grande amigo. João Carlos Barroso – Barrosinho, colega de profissão e de grandes lutas, parceiro de futebol dos artistas inúmeras vezes, nos deixou. Que Deus o receba em seu reino de luz. Meus sentimentos à família”, comentou o também ator Mario César Nogueira.

Sua estreia foi no cinema, em 1961, no filme Pedro e Paulo. Em 1963, fez seu primeiro trabalho com dublagem, no longa A Espada Era a Lei. Entre suas interpretações marcantes nas telinhas estão Tavico, da novela Estúpido Cupido (1976), e Toninho Jiló, no sucesso Roque Santeiro (1985). Seu último trabalho na TV havia sido como o delegado Mesquita, em 2016, no folhetim Sol Nascente.


A jornalista Sandra Annenberg deixará a bancada do “Jornal Hoje” para comandar o “Globo Repórter” ao lado de Glória Maria. A decisão da emissora aconteceu após demissão de Dony De Nuccio.

De acordo com o UOL, dessa forma, Sérgio Chapelin se aposentará e Maju – que atualmente cobre férias no “Fantástico” – irá para o telejornal vespertino. “Faço aniversário amanhã, mas o presente veio hoje. Que honra e que grande responsabilidade apresentar um telejornal brilhantemente comandado pela competente e querida do público e dos colegas, Sandra Annenberg”, comemorou a nova apresentadora.

Em comunicado, o diretor de jornalismo da Globo, Ali Kamel, elogiou Sandra e Maju e falou sobre o desafio de encontrar alguém à altura para o lugar de Chapelin: “Como substituir alguém como Sérgio Chapelin? Com duas das mais completas e consagradas jornalistas da televisão brasileira, Glória Maria e Sandra Annenberg. Conversei com elas e fiquei imensamente feliz ao perceber o entusiasmo delas diante do novo desafio, tanto Sandra como Glória”, vibrou.


A jornalista Mari Palma, que ficou conhecida com as entradas ao vivo durante a programação matinal da TV Globo no G1 em 1 Minuto há alguns anos, saiu da emissora.

Ela usou uma publicação no seu perfil do Instagram para anunciar a saída aos fãs. Mari publicou uma foto do crachá e um texto em que conta sua trajetória dentro da Globo e fala da importância de mudanças.

Mari Palma fez mistério sobre os planos futuros, mas prometeu aos seguidores anunciar as novidades através das redes sociais. As especulações sobre o novo emprego da jornalista são de que ela fará parte, junto com o namorado Philipe Siani, da equipe da CNN Brasil.

“O crachá tá todo desgastado assim porque tem muita história (tem até o selinho de camisa 10 do campeonato de futebol, kkkk). Essa história tem exatos 11 anos, completados no último dia 7/7. A Globo foi meu primeiro e único emprego”, iniciou o texto.

A jornalista começou na Globo como estagiária, foi editora do Bem Estar, apresentadora do G1 em 1 Minuto, repórter da área de jornalismo esportivo e atualmente fazia parte da equipe de Ana Maria Braga.

View this post on Instagram

é hora de dizer tchau! . o crachá tá todo desgastado assim pq tem muita história (tem até o selinho de camisa 10 do campeonato de futebol, kkkk). essa história tem exatos 11 anos, completados no último dia 7/7. a Globo foi meu primeiro e único emprego. . . quando eu comecei como estagiária, em 2008, com 19 anos, não fazia IDEIA do que ia acontecer na minha vida. lembro que comprei vários saltos e camisas sociais pq achei que teria que trabalhar assim pro resto da vida haha. mas olha só: hoje, 11 anos depois, eu saio da empresa com meu guarda-roupa cheio de camisetas divertidas e tênis – isso pq lá dentro eu tive a liberdade de ser quem eu sou de verdade. e por isso, eu vou ser eternamente grata. . nesses 11 anos, eu fiz tanta coisa: comecei no digital, fazendo chats, arrumando estúdio, passando cabo no chão; depois fui pra redes sociais e notícias no G1; aí virei editora do site do Bem Estar; aí fui pra TV aberta ao vivo, sem TP, com o G1 em 1 minuto; virei a vida em 360 graus no Fantástico; depois fui me aventurar no esporte e terminei meu ciclo no Mais Você. . e sabe o que eu acho engraçado? notícias por aí sempre classificaram minhas mudanças como “promoção” ou “rebaixamento”, “boas” ou “ruins”. sendo que na verdade, mudanças são sempre importantes e positivas, né? cada passo que eu dei me fez aprender uma coisa diferente, me fez descobrir onde eu me encaixo melhor e o que eu mais gosto de fazer. . mudar é difícil demais, mas eu gosto do frio na barriga, de sair da zona de conforto, de me arriscar – sem isso, a gente nunca sai do lugar. agora, adivinha só: chegou a hora de mudar de novo. pra onde? eu conto depois. . enquanto isso, vou viver esse momento de despedida que tá sendo tão difícil e tão gostoso ao mesmo tempo, junto com os amigos que fiz na Globo, com o amor da vida que eu ganhei lá dentro, com minha família e com vcs também que sempre me receberam tão bem e fazem parte de tudo que eu construí até hoje. bora que o caminho é longo e cheio de aventuras! . obrigada @redeglobo por TUDO! . OBS: como o @phelipe.siani já disse, não acreditem em tudo que vcs leem na internet. se quiserem saber de alguma coisa, perguntem aqui pra gente 💛

A post shared by mari palma (@maripalma) on


O jornalista Paulo Henrique Amorim morreu, na madrugada desta quarta-feira (10), aos 76 anos e deixou um legado para a comunicação brasileira.

Amorim estava em casa, no Rio de Janeiro, quando sofreu um infarto fulminante — informação confirmada pela mulher dele.

Na noite da terça-feira (9), o jornalista havia saído para jantar com amigos.

Paulo Henrique Amorim estava na Record TV desde 2003. Antes, passou por diversos jornais, revistas e emissoras de televisão do país.


Jornalista foi afastado no dia 05 de junho, antes da Copa América começar, com uma nota oficial ao vivo durante o Jornal Nacional.

O jornalista Mauro Naves, conhecido pela cobertura da seleção brasileira, não é mais funcionário da Rede Globo. O repórter foi afastado após polêmica no caso do suposto estupro de Neymar. Ele teria tentado intermediar um acordo entre o jogador e o primeiro advogado da modelo Najila Trindade.

“O Grupo Globo e o jornalista Mauro Naves decidiram encerrar consensualmente o contrato de prestação de serviços que mantinham. O Grupo Globo reconhece a imensa contribuição de Mauro Naves ao jornalismo esportivo e a ele agradece os 31 anos de dedicação e colaboração”, informou a emissora em nota oficial.

O afastamento de Mauro Naves pegou a todos de surpresa. A nota oficial foi lida pelo apresentador do Jornal Nacional, Willian Bonner, ao vivo ao final da edição de 05 de junho, dia que inclusive a seleção brasileira realizou um amistoso contra o Qatar.

Na nota, a Globo informou que o repórter não iria cobrir a Copa América por “evidências de que suas atitudes (no caso do suposto estupro de Neymar) contrariaram a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas”.

Veja na íntegra a nota de afastamento lida por Willian Bonner em 05 de junho:

“O Jornal Nacional publicou ontem (4) a carta aberta divulgada pelos ex-advogados da mulher que acusa Neymar de estupro. Eles afirmam na carta que a reunião que fizeram com os advogados de Neymar foi feita a convite do pai do jogador. Hoje (5), em nota [enviada à TV Globo], o pai de Neymar desmentiu essa afirmação, disse que foi o advogado José Edgard Cunha Bueno que o procurou solicitando a reunião e que José Edgard obteve o contato dele por intermédio do repórter Mauro Naves, na quarta-feira da semana passada. O repórter confirma as afirmações da nota do pai de Neymar, mas somente hoje relatou a Globo sua participação no episódio.

Em sua defesa, Mauro Naves explicou que se limitou a repassar os contatos de pai de Neymar ao advogado, a quem já conhecia, porque esperava conseguir a história com exclusividade e que, quando o assunto se tornou público, avaliou que sua participação não teria relevância.

Mauro Naves é um excelente profissional, com grandes contribuições ao jornalismo esportivo da Globo. Mas há evidências de que suas atitudes neste caso contrariaram a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas. Em comum acordo, o repórter Mauro Naves deixará a cobertura de esportes da Globo até que os fatos sejam devidamente esclarecidos.”


A partir do  dia 15 de julho, a Rádio Globo terá nova estrutura e isso ocasionou alterações na programação e demissões no quadro de funcionários. Alguns deles, bastante conhecidos do grande público, a exemplo de Maju Coutinho, Otaviano Costa e Fernanda Gentil.

De acordo com o site Notícias da TV, a rádio deixará de ter programas de entretenimento e passará a concentrar seu conteúdo em música popular. As demissões foram anunciadas na tarde desta quarta-feira (29) e tem além dos três citados acima, outros nomes, como Rosana Jatobá, Leo Jaime, Mariana Godoy, Alex Escobar, Roger Flores, Adriane Galisteu, Marcos Veras e Paulo Vinícius Coelho. Todos eles e seus respectivos programas seguirão no ar até o dia 14 de julho.

Apenas transmissões das partidas de futebol serão mantidas na grade, assim como o programa Globo Esportivo, apresentado por Oscar Ulisses em São Paulo, e Marcelo Barreto, no Rio de Janeiro. “Sempre buscando atender a demanda dos nossos ouvintes, a Rádio Globo vai iniciar um novo projeto de programação. A partir de 15 de julho, a emissora passa a concentrar seu conteúdo em música popular. As transmissões de jogos de futebol continuam na grade, bem como o programa Globo Esportivo”, informou.


Entre as cerca de 100 demissões que estão ocorrendo na Rede Bahia, que é o grupo de afiliados Globo na Bahia, uma delas, infelizmente, é de uma cara bastante conhecida da região Sudoeste. O repórter Ramon Ferraz, é um dos colaboradores que foi desligado da emissora.

O repórter Ramon Ferraz estava na TV Bahia, em Salvador, desde meados de 2015, mas antes já tinha passado alguns anos na TV Sudoeste, em Vitória da Conquista e estudou jornalismo na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia.

A Rede Bahia chegou a emitir uma nota de esclarecimentos sobre as demissões.

A nota.

Em nota, a Rede Bahia afirma que “está realizando um redesenho no seu portfólio de produtos e na governança das suas empresas” e que “o grupo tem investido na modernização dos processos de trabalho, evoluindo no uso de tecnologias avançadas, o que vem permitindo aumentar a produtividade e manter a segurança operacional”.

As recentes modificações internas são justificadas pelo grupo como motivo principal para que “alguns profissionais finalizem seus ciclos, seja por aposentadoria, para assumirem novos desafios ou por decisão empresarial”. Até então, foram confirmados as demissões da jornalista Anna Valéria, uma das mais antigas integrantes da casa e segundo informações internas, Ramon Ferraz é outro nome entre os demitidos. Na área da produção foram dispensadas Telma Verçosa, Mara Viana e Márcia Freire.

De acordo com informações obtidas pelo Bahia Notícias, a Incontet, empresa de eventos do grupo, terá toda sua equipe dispensada. Os grandes eventos realizados no estado, como o tradicional Festival de Verão, serão realizados a partir de agora em parceria com três outras empresas de evento de grande porte, entre elas, a Salvador Produções do empresário Marcelo Brito.

Profissionais integrantes de outras emissoras locais prestaram solidariedade aos profissionais demitidos da Rede Bahia nesta quinta-feira (2). Entre eles está o apresentador do “Que Vem O Povo”, da TV Aratu, Casemiro Neto que já fez parte da TV Bahia por 18 anos.

“A gente tem que agradecer o fato de estarmos empregados, não é verdade? Um país marcado pelo desemprego acaba de bater na porta e colegas nossos, vários colegas, 120 pessoas. Vocês meus amigos que acabaram de ser demitidos, parabéns pelo trabalho que exerceram durante todo esse tempo e que encontrem uma vaga no mercado de trabalho. Mas saiam com a cabeça erguida, porque até agora as pessoas que eu sei que foram demitidas merecem respeito mesmo! Eu não sei quais os critérios utilizados, mas merecem respeito”, disse Neto.

Rodrigo Ferraz